sexta-feira, janeiro 27, 2023
spot_img
InícioMaus-tratosOperação Ararat combate uso irregular de animais em espetáculos no Rio

Operação Ararat combate uso irregular de animais em espetáculos no Rio

A Polícia Federal e o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) deflagraram, nesta quinta-feira (23), no Rio de Janeiro, a operação Ararat, que visa coibir o uso de animais em espetáculos e festas que desrespeitem as normas ambientais.

Cerca de 30 policiais federais e sete analistas ambientais cumprem quatro mandados de busca e apreensão, expedidos pela 41ª Vara Criminal do Rio, na capital e na cidade de Itaboraí, na região metropolitana.

Os investigados responderão pelos crimes previstos nos artigos 29 e 32 da Lei 9.605/98 (Lei de Crimes Ambientais).

Leia também

Prefeitura de Pirabas matou e enterrou cerca de 30 cavalos próximo a um igarapé, em área de proteção ambiental

Presidente do PV Tucuruí é gravado em caça ilegal de animais

PM que matou cachorro a tiros na Cabanagem pode ser expulso da corporação

Segundo a Polícia Federal, a investigação aponta a possibilidade da manutenção de animais com documentação irregular, alojamentos e alimentação inadequados para as espécies e restrição de espaço.

A operação foi deflagrada pela Delegacia de Repressão aos Crimes contra o Meio Ambiente e Patrimônio Histórico. Os investigados podem responder por crimes ambientais. Os investigados responderão pelos crimes previstos nos artigos 29 e 32 da Lei 9.605/98 (Lei de Crimes Ambientais), sem prejuízo de eventuais outros crimes que possam surgir no decorrer da investigação.

Com informações da Agência Brasil, Polícia Federal e Metrópoles.

RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais visualizados