sexta-feira, janeiro 27, 2023
spot_img
InícioParáHelder diz que ainda não é preciso nomear professores concursados

Helder diz que ainda não é preciso nomear professores concursados

Ao visitar Abaetetuba, nas comemorações dos 124 anos de fundação do município, o governador do Pará, Helder Barbalho, passava pela praça central da cidade, quando foi interpelado por um pequeno grupo de concursados da SEDUC, que lhe cobraram as nomeações dos professores aprovados ano passado e que até agora não foram chamados para as salas de aula, tal como prometido em campanha e no decorrer destes seis meses em que está no poder.        

Acompanhado pelo prefeito da cidade, Alcides Negrão (Chita) – que foi vaiado pela população – e de políticos aliados, Helder Barbalho foi cobrado por uma professora concursada sobre as nomeações do Concurso C-173, realizado em 2018 e que está prestes a vencer no início do mês de Setembro, podendo ser prorrogado por mais um ano.        

Em resposta aos apelos da professora, Helder disse que não faltam professores concursados nas escolas do Pará e que seu governo está juntando alunos em salas de aulas para otimizar os professores já em exercício e chamando novos professores através de Processos Seletivos Simplificados, apenas para as disciplinas em que não existem concursados na fila de espera para nomeação.

Helder desafiou que se alguém lhe apresentar algum professor concursado para áreas que estão em falta, ele nomeia. Tal manifestação coloca em xeque as reivindicações do SINTEPP – Sindicato dos Trabalhadores da Educação Pública do Pará e da ASCONPA – Associação dos Concursados do Pará, entidades que sob o controle político do PSOL e que denunciam a contratação de temporários, em detrimento de professores concursados.

Afinal, quem está falando a verdade: O governador Helder Barbalho ou os sindicalistas?         

Assista aos vídeos do governador sendo cobrado por uma professora e de um concursado em frente ao Palácio do governo explicando as reivindicações da categoria e cobrando as nomeações na SEDUC:

Por Diógenes Brandão, editor do Portal AmazonLive e autor do blog AS FALAS DA PÓLIS.

RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais visualizados